COVID-19: Moçambique regista 10 óbitos e 630 casos positivos

O país registou, esta sexta-feira (20.08), a morte de mais 10 pessoas e 630 novos casos de infecção da COVID-19, segundo o mais recente comunicado do Ministério da Saúde (MISAU). As vítimas mortais foram sete mulheres e três homens, todos de nacionalidade moçambicana, com idades entre 33 e 88 anos.

As mortes ocorreram nos últimos dias 17 e 19, com excepção de uma, que foi declarada hoje. Assim, Moçambique contabiliza 1.783 óbitos devido à COVID-19 desde o início da pandemia.

Além das mortes, o MISAU anunciou que mais 618 moçambicanos e 12 estrangeiros contraíram a doença nas últimas 24 horas. Dos novos casos, 325 são do sexo feminino e 303 do sexo masculino, todos de transmissão local.

O documento avança, ainda, que a província de Niassa registou o maior número de pessoas infectadas. Com 158 casos, a província ultrapassou a cidade de Maputo, que  registou 90 casos da doença.

Com estes números, o país passa a ter um total de 142.013 casos positivos registados do novo Coronavírus, das quais 141.644 são de transmissão local e 369 importados.

O comunicado refere que, nas últimas 24 horas, mais 21 pessoas foram internadas e 19 tiveram alta hospitalar. Assim, Moçambique tem um cumulativo de 6.615 internados, dos quais 215 estão, até ao momento, sob cuidados médicos.

Ainda no período em alusão (últimas 24 horas), mais 603 moçambicanos recuperaram-se da doença, aumentando para 123.350 o cumulativo de indivíduos livres do vírus. Actualmente, Moçambique tem 16.876 activos do novo Coronavírus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *