Mais 2.618 recuperados da COVID-19 em Moçambique

Mais 2.618 pacientes entram para a lista de recuperados da COVID-19 em Moçambique, elevando o cumulativo desta categoria para 206.160. Trata-se dum registo das 24 horas, anunciado este domingo (23) pelo Ministério da Saúde (MISAU).

Entre os recuperados do período em menção, há 1.192 indivíduos da província de Manica, 462 de Maputo, 391 de Inhambane, 221 da Zambézia, 201 de Gaza e 149 de Cabo Delgado.

As autoridades sanitárias reportaram, ainda, o registo de 181 novos casos positivos da COVID-19. Contam-se, entre os infectados, 174 indivíduos de nacionalidade moçambicana e sete estrangeiros, sendo que, destes, 96 são mulheres e 85, homens. Todos os casos resultam de transmissão local.

A capital do país (Maputo) registou o maior número de pessoas infectadas (75), seguida pela província de Inhambane, com 57 casos. Com estes números, o país já contabiliza 222.596 contágios registados desde o início da pandemia, 18.275 dos quais continuam activos.

No mesmo período, quatro óbitos foram registados em três homens e uma mulher, residentes na cidade de Maputo, província de Manica e Tete. Assim, Moçambique passa a contar com um cumulativo de 2.157 óbitos causados pela enfermidade.

O cumulativo de internados subiu para 8.356, com a entrada, no período indicado, de mais 12 pessoas nos centros de isolamento para doentes com COVID-19.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.