Mais oito pessoas morrem vítima da COVID-19 em Moçambique

O Ministério da Saúde (MISAU) anunciou, na tarde deste domingo (09), a ocorrência de oito óbitos nas últimas 24 horas, devido ao novo Coronavírus. Trata-se de um homem e sete mulheres, com idades entre 38 e 85 anos, elevando o cumulativo de mortes por COVID-19 para 2.085 no país.

De acordo com um comunicado de imprensa do MISAU, cinco dos óbitos ocorreram ontem e os outros três foram declarados hoje. Destes, três são da cidade de Maputo, um da província de Maputo, dois de Gaza, um de Manica e outro de Tete.

O documento aponta que, no mesmo período, as autoridades de Saúde registaram a infecção de 1.010 indivíduos. Dos infectados, 994 são nacionais e os restantes, estrangeiros. Todos os novos casos resultam de transmissão local.

O MISAU indica, ainda, que a cidade de Maputo teve o maior número de pessoas infectadas (397), tendo apresentado uma taxa de positividade de 33.93 por cento.

Ainda no período das últimas 24 horas, 41 pessoas, 19 das quais na capital do país (Maputo), ficaram internadas e 48 tiveram alta hospitalar, facto que eleva para 8.066 o total de internados. Neste momento, há 248 doentes que lutam pela vida nas unidades sanitárias.

Além das mortes, novas infecções e internamentos, o MISAU registou a recuperação de 3.430 pacientes, cifra que aumenta para 169.090 o somatório daqueles que venceram a COVID-19 em Moçambique.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.