Moçambique regista mais quinze casos de COVID-19

O Ministério da Saúde anunciou esta tarde, 02 de Julho, a notificação de mais 15 casos positivos de infecção pelo novo coronavírus, elevando o total para 918 desde o início da pandemia no país.

Segundo a directora nacional de Saúde Pública, Rosa Marlene, os novos casos são todos de nacionalidade moçambicana, sendo “um da província de Niassa, dez de Cabo Delgado, um de Nampula, um de Gaza e dois da Província de Maputo” e resultam da vigilância nas unidades sanitárias e do rastreio de contactos.

A dirigente explicou que estes casos saem de um lote de 666 amostras testadas nas últimas 24 horas. Destas, 538 foram testadas em laboratórios do sector público e 128 em laboratórios do sector privado.

Assim, actualmente, o país tem, cumulativamente, 918 casos positivos, sendo 843 de transmissão local e 75 importados.

Sobre os recuperados, foi anunciado mais um caso, de Niassa, perfazendo 249 o total de indivíduos livres da COVID-19.

Rosa Marlene disse que o país tem neste momento sete indivíduos internados devido aos efeitos da COVID-19, sendo “dois em Nampula, um em Tete, um em Sofala, um em Gaza na Província de Maputo e outro na Cidade de Maputo”. Todos cursam com evolução clínica satisfatória.

Refira-se que Moçambique tem um cumulativo de 1.204.179 pessoas rastreadas para a COVID-19 nos diferentes pontos de entrada. Destas, 20.708 foram submetidas à quarentena domiciliar, dos quais 2.321 continuam em observação domiciliar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *