Moçambique regista mais um óbito e 33 novos casos de Covid-19

O Ministério da Saúde (MISAU) anunciou esta tarde, 18/07, o registo de mais um óbito devido a infecção pelo novo Coronavírus, elevando para 10 o cumulativo dos perecidos por COVID-19.

Segundo o MISAU, trata-se de um indivíduo da província de Gaza, que regressou da vizinha República da África do Sul no dia 30 de Junho, tendo se apresentado no hospital no dia 1 de Julho corrente, com doença cardíaca grave, onde ficou internado. No mesmo dia foi colhida amostra para testagem da Covid-19, tendo o resultado se revelado positivo.

“A evolução do seu estado clínico foi satisfatória, tendo piorado nos últimos dias”, explica a autoridade sanitária, em comunicado de actualização de dados da Covid-19 divulgado esta tarde, indicando que o óbito ocorreu na madrugada de hoje.

Por outro lado, anunciou a notificação de mais 33 novos casos de infecção pelo novo coronavírus, elevando o cumulativo para 1.435 pessoas contaminadas desde o início da pandemia no país, dos quais 1.287 de transmissão local e 148 importados.

Do total dos casos registados hoje, 32 são de nacionalidade moçambicana e um sul-africano, e saem de um grupo de 964 amostras testadas nos laboratórios nacionais do sector público e privado.

Em termos de localização, três estão em Cabo Delgado, nove em Nampula, quatro na Zambézia, dois em Tete. Inhambane e Gaza tem um cada, e a província de Maputo conta com nove, enqunto que a capital do país notificou quatro.

“Todos resultam da vigilância activa nas unidades sanitárias e encontram-se a cumprir isolamento domiciliar”, refere o documento.

Sobre os recuperados, foram anunciados mais onze casos, sendo seis em Cabo Delgado e cinco em Tete. Assim, o país já conta com 408 indivíduos livres da Covid-19.

Em relação aos internados, o MISAU indica que mais um paciente foi acolhido no centro de isolamento hospitalar, na cidade de Nampula.

Assim, o país tem neste momento sete pessoas a receberem cuidados hospitalares por conta desta pandemia, sendo um em Cabo Delgado, dois em Nampula e quatro na cidade Maputo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *