Número de casos positivos com tendência crescente no país

O número de casos positivos disparou na última semana no país, segundo dados apresentados esta segunda-feira, 20 de Julho, pelo director-geral do Instituto Nacional de Saúde, Ilesh Jani, durante a análise epidemiológica.

Da análise feita, na semana de 12 a 18 de Julho, foram registados 300 casos positivos e na semana que iniciou no dia 18 de Julho, já estão contabilizados 72 casos, o que leva a crer que este número poderá superar o da semana passada.

Segundo o responsável, o país também tem registado um crescimento gradual no número de hospitalizações e de óbitos. Apesar deste cenário, os dados indicam que a situação de Moçambique é menos acentuada relativamente aos outros país da região.

Por exemplo, a nível da SADC, a África do Sul que regista 92 por cento de casos da região, continua a liderar a lista de países com maior número de infecção pelo novo Coronavírus. 

Ilesh informou que a transmissão local é a forma predominante de propagação do SARS-CoV-2 em Moçambique, sendo, por isso, de extrema importância a adopção contínua de medidas de prevenção.

Sobre a origem de casos da semana epidemiológica (12 a 18 de Julho), importa referir que 203 casos resultam da vigilância activa nas unidades sanitárias, 36 de rastreio de contactos, 58 representam casos importados da vizinha África do Sul e três de ESwatini.

A nível global, a análise epidemiológica mostra que a maior parte dos países africanos já tem áreas com padrão de transmissão comunitária.

Importa salientar, que esta segunda-feira, Moçambique registou mais 16 novos casos de infecção pelo novo coronavírus, óbito e 33 recuperados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *